"Sou meio como um mosquito num campo de nudismo; sei o que quero fazer, mas não sei por onde começar." - Stephen Bayne





segunda-feira, 24 de setembro de 2012

nossa amizade

Do ontem que eu vivi
guardo minhas recordações
meus erros e perdões
minhas lágrimas e sermões

guardo meu desprezo e meu amor
minha alegria e minha dor
meus tropeços e meu coração
em pedaços

do ontem que eu vivi
só guardo o que restou de ti
e de tudo que eu já morri
e do adeus que eu nunca vi

eu guardo o ausente, a presença
guardo o abraço, o beijo, o filme
guardo o pra sempre que nunca sempre existiu
o nunca, que pra sempre persistiu

guardo abraços e partidas
guardo beijos e despedidas
guardo sempre o adeus
sempre o ontem
do ontem que eu vivi

guardo as promessas pro futuro
e de tudo que há mais duro
nessa vida
eu guardo tua amizade
eu guardo meus amores
de uma terra distante
sem maldade

guardo a inocência
a vontade
a saudade
guardo seus corações
nossas músicas, nossas verdades
guardo vocês
essa amizade
repleta de abraços e partidas
do ontem que eu vivi
e que vivo todos os dias...

Um comentário: